quarta-feira, 21 de outubro de 2009

* Vozes na escuridão *



Quando a noite repousa
estrela despenca do céu
queda bruta

borboleta corre
ébria e nua
absoluta

coruja pia
lamento de quem vigia
o sono da noite


Úrsula Avner

* imagem do Google- sem informação de autoria

19 comentários:

  1. Me quedo por aquí disfrutando de tu poesía.. poeta..


    Un abrazo
    Saludos fraternos...

    ResponderExcluir
  2. Lindo poema subjetivo, Úrsula. Paisagens noturnas [e humanas] fecundas de belos sentidos.

    Beijos :)
    H.F.

    ResponderExcluir
  3. Úrsula
    vigiar o sono da noite é pra os poetas....lindo! é nesses horas q vemos as estrelas e borboletas...e de vez em quando cometas...bj

    ResponderExcluir
  4. Os sons da noite parecem sempre lamentos, quando solitária atravessa as horas...
    beijos

    ResponderExcluir
  5. Belos signos noturnos! Disfarçados de ternura, mas latrocidas da delícia. E toda melancolia e mistério no gato que mia. Abraços!

    ResponderExcluir
  6. Amiga Úrsula,

    Os mistérios da noite.
    Sons, o preto no branco, perfume...
    E as estrelas nos convidando a sonhar.

    Lindo!!
    Super beijos

    Regina d'Ávila

    ResponderExcluir
  7. Estrela: desce. Poesia: sobe.

    Este elevador eu conheço...

    ResponderExcluir
  8. para a estrela-cadente foi feito algum pedido por parte do gato ou da borboleta?

    ResponderExcluir
  9. Belíssimos tercetos notívagos
    Parabéns !

    ResponderExcluir
  10. Um bela visão nocturna, o seu poema.
    Gostei imenso, querida amiga.
    Beijo.

    ResponderExcluir
  11. Lindo!!!
    As estrelas quando bem interpretadas nós fazem sonhar.
    A noite e seus mistérios nos conduzem ao imaginário.
    Parabéns!
    Beijos.

    ResponderExcluir
  12. Úrsula

    A noite...
    para muitos é de sono
    para outros é de angústia,
    mas para os poetas é cenário onde de tudo se adonam!

    Sempre linda é tua voz cortando a escuridão dos dias!

    Bj imenso pra ti!

    ResponderExcluir
  13. Como vc escreve bem e com a alma! eu vindo aqui só me inspiro! beijos e saudades visite-me!

    ResponderExcluir
  14. E eu, daqui, a espreitar-te, na beleza dos teus poemas, a deleitar-me.
    Bjs amiga.

    ResponderExcluir
  15. BOM DIA!!!
    HOJE TEM MARRECO RECHEADO, STRUDEL, JOELHO DE PORCO, E MUITO CHOPP.
    VENHA DEGUSTAR ESTE PRAZER.


    VENHA COMIGO PARA ESTE CANTINHO DA GASTRONOMIA BRASILEIRA.
    CLARO QUE É AQUI DE JARAGUÁ DO SUL, SC- BRASIL.
    O NOSSO BRASIL É MUITO RICO EM GASTRONOMIA. MAS VOU FALAR DE JARAGUÁ DO SUL E DE UM DELES.
    ENTÃO VEM, TE ESPERO.

    http://sandrarandrade7.blogspot.com/

    VAI SER MUITO BOM TER A SUA COMPANHIA AQUI.
    SEJAM TODOS BEM VINDOS.

    PARA DEIXAR O SEU COMENTÁRIO, O ENDEREÇO DA ALDEIA É:


    http://aldeiadaminhavida.blogspot.com/2009/10/o-maravilhoso-parque-de-jaragua-do-sul.html#comment-form

    QUALQER DUVIDA É SÓ VIM ATÉ O BLOG E CLICAR.. VOCÊ ACESSA DIRETO PARA POSTAR O SEU COMENTÁRIO.
    MUITO OBRIGADA DESDE JÁ.
    SANDRA

    ResponderExcluir
  16. Lindo Úrsula!

    Tres tercetos.... uma estrela, o voo , a noite e a vigia.

    Só poetas como você!

    Beijos
    mirse

    ResponderExcluir
  17. Carne de nossa alma
    a estrela é

    cadência sua
    sinal de desejo meu

    errante e eterno
    desejo...
    palavras que nos sobrepassam
    cada vez,

    Belo Blog,
    parabéns,
    com um abraço,
    na poesia,

    ResponderExcluir
  18. Amiga tem um selinho pra vc no meu blog novo
    http://selosblog.blogspot.com/
    Bjs da Gena

    ResponderExcluir
  19. noite é românce, paixão, detalhes, coisas bonitas.

    ResponderExcluir